Impressões sobre Batman vs Superman

Como de costume, deixei para ver Batman vs Superman depois de um bom tempo dá estréia, e já estava até triste de tanto ouvir que o filme não era o que se esperava. Obviamente deixei todos os spoilers de lado e fui ao cinema já sem muita expectativa, algo que eu realmente queria. E por falar em spoiler, se você ainda não assistiu o filme, aqui tem alguns, ok? Batman-vs-Superman-evideoclipe A começar pelos personagens, o que mais me trazia dúvidas era a nova cara do Batman, agora vivida por Ben Affleck, embora eu já havia, digamos, aprovado sua imagem como Bruce Wayne, o que eu queria mesmo era vê-lo como Batman. E da minha parte, mero mortal e fã dos Ben Affleck-Batman-vs-Superman-Gotham-evideoclipepersonagens, também está mais que aprovado. Gostei bastante da atuação e da postura mais HQ que o personagem ganhou com ele. Para mim a versão vivida por Christian Bale remeteu um pouco as antigas versões do tipo “Batman” de 1989 com Michael Keaton, claro que sem a logo amarela no peito, e também muito diferente da versão de 1997 em “Batman e Robin” onde George Clooney viveu o cavaleiro das trevas, e sinceramente eu acredito que ele deve ter um certo arrependimento por ter feito esse filme. Ainda em comparativo a obra prima de Christopher Nolan, me refiro apenas a apresentação do personagem, seria muito legal, claro, que o Christian Bale continuasse a viver o personagem apenas pela continuidade da coisa, porém, o Sr Affleck deu conta do recado e muito bem, sem contar a imagem do próprio personagem, muito mais sombrio e psicologicamente afetado por suas amargas lembranças. Quando ele coloca a armadura para enfrentar o Superman e quando ele aparece com aquela roupa para se proteger da tempestade de areia então nem se fala, puro HQ na tela, simplesmente espetacular. Sobre o Superman é falar mais do mesmo, e se você quiser saber minha opinião sobre o personagem e sobre Henry Cavill, clique aqui e leia o post que escrevi exclusivamente sobre este assunto. Quanto a Mulher Maravilha, vivida por Gal Gadot, posso estar tendencioso, mas eu gostei muito também, curti o traje, a pegada de Meulher-Maravilha-Batman-vs-Superman-evideoclipeguerreira e o combate com Apocalipse. Para não dizer que curti tudo, achei a música tema da personagem um tanto quanto sensacionalista, mas creio que tenha sido algo de primeiro momento, quando ela apareceu com uma cara de má, cabelos esvoaçantes e aquela música, me veio logo na cabeça um “Ops!”. Mas a música é boa! Acredito que tenha sido o jeito que ela foi colocada no contexto, exatamente como você vê aí ao lado.   Ouça a trilha da Mulher Maravilha no Filme, me lembra muito “Immigrant Song” do Led Zeppelin  

Os personagens

Quanto aos demais personagens, melhor deixarmos para o lançamento de “A Liga da Justiça – Parte 1”, vamos ver o que Flash, Cyborg e Aquaman tem para nos oferecer nessa tão esperada produção. A única coisa que minha opinião pode adiantar que que esse Aquaman está mais para Poisedon, achei péssimo! Lex-Luthor-vs-Superman-evideoclipeSenhor Lex Luthor vivido por Jesse Eisenberg literalmente não me convenceu, outro personagem que deverá ser analisado nas próximas produções. Ele é muito molecão para viver o personagem, no sentido de imagem, Luthor é imponente, forte, quem sabe ele não passe por uma mutação. Me adá uma impressão que essa versão acabou de sair de Smallville. Bom, vamos esperar!     A senhorita Lois Lane, idem, não vejo esse personagem na Amy Adams e se ele me aparecer em “A Liga da Justiça” como Superwoman, aí Lois-Lane-vs-Superman-evideoclipepra mim é o fim. Bom, se você por acaso ainda não sabia, a DC confirmou a informação que já circulava há alguns dias, Superwoman, série inédita da família de títulos de Superman que consta da lista de novas HQs da reformulação Rebirth da editora, será mesmo estrelada por Lois Lane. Veja a publicação: “De estrela da reportagem a super-heroína!”, já diz o resumo da DC. “Imbuída com os poderes de Superman, Lois Lane jura usar seus poderes para proteger Metrópolis como a nova Superwoman. O único problema é que os poderes de Lois a estão matando, e ela nem sua amiga e confidente Lana Lang sabem o que fazer. Lois conseguirá sobreviver o bastante para desvendar o mortal segredo da Ultra-Woman?” Desejo muito que isso não saia dos quadrinhos!

O filme

A impressão que tenho das séries de filmes da DC é que eles estão correndo contra o tempo. Tirando a trilogia Batman do Nolan, os demais filmes vieram apenas para introduzir a “Liga da Justiça”, portanto, a minha expectativa está para esta produção. Creio que muitos fãs  estejam pensando como eu. A “briga” Marvel vs DC está acirrada, mas ao meu ver a Marvel está ganhando por pontos técnicos. “Os Vingadores” tem sido um sucesso, e cada filme solo idem. Todos os filmes até agora foram sensacionais. Já a DC vem querendo pegar carona nesse bonde, mas, como dito popular, “Querer entrar no bonde andando, sentar na janela e ainda dar tchau” fica complicado, não é mesmo. Concordo que são muitos personagens para introduzir, mas porque não já apresentá-los de uma vez em seus respectivos universos? O Lex Luthor por exemplo já poderia ter sido introduzido em “O Homem de Aço”, o Coringa já foi apresentado na Trilogia “Batman” e essa mudança radical na versão Jared Leto, eu confesso que não estou esperando muito. Enfim, deixa eu parar por aqui em relação aos pontos fracos do meu ponto de vista, o resumo da ópera é que as produções, incluindo “Batman vs Superman” tem deixado a desejar e agora só nos restas esperar que sol reviva o Superman e que a “A Liga da Justiça – Parte 1” que estreia em novembro de 2017 seja o que todos nós esperamos, uma grande obra prima. Eu achei bem interessantes quando Zack Snyder coloca uma pensamento filosófico ao personagem Superman, o colocando como simples mortal, vivenciando o outro lado e compreendendo a importância de abração sua humanidade.
“Eu pensei na evolução do personagem do Super-Homem, há uma prova que ele tem que passar para realmente abraçar a sua humanidade ou descobrir a última coisa sobre ser humano? A última coisa que você enfrenta é a sua mortalidade, e isso é algo que eu acho muito legal sobre isso”, Zack Snyder
Isto explica a frase “Falso Deus” escrita em sua estátua apresentada no filme e sua morte revela uma retomada do personagem, além de colocar Bruce Wayne na caça aos novos personagens que integrarão a Liga. Todo esse contexto, reforça ainda mais as expectativas em cima da “Liga da Justiça”, agora só cabe a nós esperar.  

Veja a ficha completa deste filme

VEJA OUTROS PRODUTOS AQUI:

One thought on “Impressões sobre Batman vs Superman

  1. Pingback: Crítica - Filme Liga da Justiça - Alameda Geek

Deixe um comentário

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para a home
    Esse site utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de uso no site.