Impressões do primeiro capítulo de Supermax

Confesso que esperava muito mais de Supermax a nova série da TV Globo, pelos trailers e pelos teasers fiquei curioso e acreditei que seria uma excelente promessa da emissora para suas levas de produções de séries.

impressoes-do-primeiro-capitulo-de-supermax-1-evideoclipeEmbora todos já estivessem cientes da proposta, reality show, na terça-feira, 13, tivemos mais um teaser que apresentou em definitivo a proposta da série, onde foram apresentados os personagens e cada ator pode comentar sobre ele. Creio que isso deu um ar de “desconfiança” à serie por parte da própria emissora em relação a como o público encararia a ideia de Supermax escrita por José Alvarenga Jr., Fernando Bonassi e Marçal Aquino, e sentiram a necessidade de explicar o esquema do “jogo”.

Ontem, 20, foi a estreia oficial na TV, considerando que a série já foi liberada na íntegra em sua plataforma online Globo Play. O que pude ver neste primeiro capítulo, pelo menos da minha parte, foi uma mistura de BBB (Big Brother Brasil) com um filme de suspense, porém, sem liga, ou seja, arrastado, teatralizado e cansativo, mas que gera interesse pelo desfecho, afinal ainda é só o começo.

impressoes-do-primeiro-capitulo-de-supermax-2-evideoclipeApesar de muitos dos atores apresentarem uma interpretação teatralizada como já disse, talvez uma questão de direção, creio que o fato de não serem rostos muito conhecidos na Tv pode ajudar a empurrar a série e fazer com que o público crie uma identificação específica por cada um, o que irá colaborar para a proposta do reality show fictício. Os dois rostos mais conhecidos são a da atriz Mariana Ximenes que mandou muito bem neste primeiro capítulo e da Cleo Pires que ao meu ponto de vista, não apenas em Supermax mas em qualquer produção que ela participe a expressão é única, parece o mesmo personagem sempre.

impressoes-do-primeiro-capitulo-de-supermax-4-evideoclipe

impressoes-do-primeiro-capitulo-de-supermax-3-evideoclipeAs aparições de Pedro Bial na tela dentro do confinamento também é algo que nos leva automaticamente ás noites de BBB, e sinceramente prefiro ele como escritor e apresentador espontâneo do que como ator, afinal ele está interpretando ele mesmo com texto roteirizado, o que soa falso, muito falso.

Mas nem tudo está perdido ainda, pelo menos algo que eu gostei e muito foi a abertura. Simplesmente sensacional e com a música “Darkness” de Leonard Cohen ficou melhor ainda. Sobraram elogios nas redes sociais.

Estas são impressões do primeiro capítulo, vamos acompanhar o desenrolar da série para ver como ficará e se sai algum bom coelho desta cartola da nova safra de produções da TV Globo.

Deixe um comentário

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para a home
    Esse site utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de uso no site.