Review – Procura-se um amigo para o fim do mundo

review-procura-se-um-amigo-para-o-fim-do-mundo-evideoclipe-posterPara quem gosta de ser surpreendido ao ver um filme, creio que esse seja um tipo ideal para assistir. “Procura-se um amigo para o fim do mundo” é uma produção para reflexão profunda e que oferece algumas boas surpresas.

Estrelado por Keira Knightley e Steve Carell, a trama traz um roteiro leve, que se perder em determinado momento deixando o filme um pouco arrastado, mas que cresce novamente entregando um desfecho muito interessante.

Dodge (Steve Carell) é um corretor, Penny (Keira Knightley) é uma moça triste que nunca teve um namoro satisfatório. Ambos estão prestes a viver seus últimos momentos de vida, pois em três semanas um meteoro está em rota de colisão com a Terra, o que faz o ser humano vivenciar seu lado mais insano e aproveitam os últimos dias de vida para beberem e fazerem sexo sem compromisso; outras se rebelam pelas ruas e começam a destruir os carros e os comércios, indiscutivelmente algo para reflexão.

Para Dodge e Penny não é diferente, porém, eles estão longe da insanidade e buscam viver seus últimos dias de forma simples com foco em resolver pequenos incômodos da vida. No caso de Dodge que acaba de ser largado por sua mulher, seu objetivo é simplesmente entender o quanto vale não lutar por algo, ou perder tempo com algo que não te faz bem, afinal sua mulher o largou quando soube que o mundo iria acabar, e com seu envolvimento com Penny ele ainda acaba tendo a oportunidade de se reconciliar com o pai. Penny quer apenas encontrar os pais, pois se sente triste por morar longe deles e por nunca ter se dado a chance de vê-los por conta de amores frustrados.

review-procura-se-um-amigo-para-o-fim-do-mundo-evideoclipe-foto

Juntos resolvem ajudar um ao outro, Penny o levará para conhecer um antigo amor de colégio e Dodge a levará até um conhecido que tem um avião, sendo sua oportunidade de ver os pais pela última vez. É a partir daqui que o roteiro se perde um pouco, porém, mesmo assim a diretora e roteirista Lorene Scafaria conseguiu dar o seu recado colocando à tona a vulnerabilidade humana em seus momentos mais sensíveis. Dodge e Penny se envolvem em um curto romance onde se declaram ser o amor da vida de cada um.

review-procura-se-um-amigo-para-o-fim-do-mundo-evideoclipe-foto-2

Penny conclui sua missão de levar Dodge até seu amor estudantil, mas para sua felicidade, a moça já não está mais em casa, e ali vivem um momento especial que fortalece ainda o romance entre os dois. Em seguida partem, e é a vez de Dodge dar conclusão à ajuda ao seu mais novo amor. Ao chegar a casa de seu “conhecido”, algo nos surpreende e trás mais um bom momento de reflexão ao filme. Penny sofre de hipersonia e ao dormir, Dodge a coloca no avião sem que ela saiba.

review-procura-se-um-amigo-para-o-fim-do-mundo-evideoclipe-foto-3

Com um desfecho extremamente tendencioso ao velho clichê dos filmes de romance, mais uma excelente surpresa nos atrai nos colocando mais uma vez à reflexão e para importância de viver hoje e de valorizar as pequenas coisas da vida, sejam elas o que for e com quem for.

Nada de clichê, muita reflexão, mas um excelente filme para assistir a dois.

Trailer

Minhas avaliações

[yasr_multiset setid=0]

Deixe um comentário

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para a home
    Esse site utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de uso no site.