Pokémon GO: A Promoção da Saúde sob o Olhar da Psicologia

Pokemon GO sob o olhar da psicologia. Descubra como o jogo pode ajudar na promoção da saúde, seus benefícios e malefícios

Pokemon GO fez muito mais do que apenas um burburinho. Pude notar pessoas de todas as idades jogarem lado a lado. São parques, pátios e ruas lotadas de jogadores, não somente nos finais de semana, mas em todos os horários livres. Principalmente os impactados pelo anime e os games clássicos. Ávidos por encontrar todos os monstrinhos e completar a coleção.

Com o desenvolvimento da tecnologia muitos dizem que o ser humano ficou mais fechado, mais isolado. A tecnologia tem uma má fama de trabalhar contra a interação social. A Nintendo foi uma das principais empresas a quebrar com esse estigma, virando a mesa do paradigma dos jogos de computador e da tecnologia. Eles podem ser divertidos e voltados para uma vida mais ativa, na qual todos se unem para se divertir.

Pokemon GO promoção da saúde

A Nike com seus acessórios fitness, a Apple e a Google esbanjando aplicativos pró-saúde. Todos tentando transformar em jogo a prática em si de um exercício físico, dando mais ânimo para as pessoas se exercitarem. Com o console Wii, vieram os games fitness, os consoles sempre mirando os movimentos, a ação. A Microsoft seguiu a mania e lançou o Kinect. A Playstation e o Moove.

Mas a Nintendo, que estava passando por apertos financeiros por um breve período sem inovação (devido ao WiiU), agora com uma parceria com a Niantic Labs, ataca furiosamente o mercado com Pokémon GO. Uma febre mundial que está longe de encontrar um fim. O mundo é a plataforma para o game, as possibilidades são imensas.

pokemon go febre mundial - benefícios da saudeCom o passar das semanas já podemos notar uma boa diminuição da quantidade de jogadores totais, mas o efeito ainda é notável. Em toda pokéstop há pelo menos um grupo de jogadores abrindo o app diversas vezes ao dia e nos parques é que podemos notar ainda mais esse fenômeno.

Idosos brincando com seus netos, filhos ensinando os pais a caçarem seus pokémons. Vimos de tudo, principalmente muita colaboração e boa vontade em interações sociais. O assunto do momento virou parte do cotidiano. Temos que capturar todos, afinal, não?

O que me leva a imaginar. Quais seriam os benefícios desse movimento e dessa interação toda com as pessoas não tão “sociais”, não propensas a sair de casa, a experimentar o mundo?

promoção da saúde e psicologia em Pokemon GO

Vejo pessoas saindo mais, se aventurando mais, afinal de contas, o jogo “recompensa” aqueles que andam mais quilômetros e por lugares diferentes e “castiga” aqueles que ficam parados em casa, não oferecendo a recompensa de encontrar os Pokémons e de crescer na experiência do jogo. Há relatos de jogadores que estão perdendo bastante peso, emagrecendo e melhorando drasticamente a saúde por conta do game.

Afinal de contas… há algum benefício direto ou indireto, além do que o público pode notar, em jogar Pokémon GO de acordo com a psicologia? O que nos leva à essa breve entrevista, onde convidamos a psicóloga Paula Alves para um breve bate-papo sobre o tema.

Paula Alves Psicologa e Especialista em Medicina Preventiva e Gestão de SaúdeEstamos muito agradecidos de tê-la como convidada nessa entrevista. Conte-nos um pouquinho sobre a sua experiência em Psicologia e na medicina preventiva.

Sou  formada desde  1999  pela  UNG – Universidade Guarulhos,  com especialização pelo Instituto Sedes Sapientiae em Prática Clínica,  na FAAP fiz MBA – em Gestão de Saúde, Iniciação científica em Psicologia Escolar pela Universidade de São Paulo  e pela Sociedade Brasileira de Coaching me tornei Coach  Personal & Professional;

Atuo na área clínica  desde março 2000 com crianças, adultos e idosos com atendimentos individual, casal e em grupo, para psicólogos realizo supervisão dos atendimentos.

Já na área de Medicina Preventiva, minha atuação começou antes da minha formação, era estagiária em Medicina Preventiva desde 1997 e atuo até hoje com ações ligadas a Promoção de Saúde , com palestras, grupos, workshop e cursos voltados à qualidade de vida e saúde mental;

Especializei-me em atendimentos a obesidade e realizo grupos terapêuticos para obesidade, avaliação e emissão de laudo no pré e pós-operatório de pacientes obesos que vão para a cirurgia bariátrica.

Pokemon GO de acordo com a psicologia e medicina preventiva - promoção da saúde

Foto: Travale – Deviantart/Divulgação

Quais seriam os benefícios de um jogo como esse além dos óbvios de uma saúde física? Onde a saída de casa é recompensada. O que ele pode fazer de positivo e negativo para a mente do jogador?

Paula: “Os jogos no geral tem um estímulo e busca do jogador uma resposta, esta relação estímulo x resposta causa uma excitação que ao ser recompensado vai gerar uma sensação de bem estar e prazer.

No caso do Pokemon GO você observa que é um jogo que além de provocar esta excitação ele estimula o caçador. Capturar os pokémons ativa a fase da pré-história, ou seja, a parte instintiva, eu só paro quando a caça estiver em minhas mãos, trazendo uma sensação de poder que eleva o ego do jogador.

E tudo que estimula o sistema de recompensa e eleva o ego de uma pessoa traz sensações prazerosas, o indivíduo fica mais seguro, potente, tem sensação de bem estar melhorando a vida psíquica da pessoa.

O jogo Pokémon GO tira a pessoa de dentro de casa e para aqueles que eram isolados passam ter uma vida social e criar vínculos que trazendo benefícios nas relações, o ser humano precisa dessa troca para formação e fortalecimento do seu EU.”

Pokemon GO e a promoção da saúde exercicios

Outro benefício a ser destacado é o da atividade física, se tínhamos uma pessoa totalmente sedentária e ela começar a se movimentar, melhorará a qualidade de vida, pois a prática da atividade física estimula a produção de endorfinas/serotoninas, que ajudam na melhor saúde física e mental do ser humano.

Pokemon GO na promoção da saúde e psicologia - Foto: Selven7 - Deviantart/DivulgaçãoApesar de todos os benefícios, reforço que não podemos colocar em um jogo a solução de todos os problemas, ouvi relatos de pessoas que tinham passado por vários tratamentos emocionais e após o jogo entrar na sua vida o quadro melhorou, mas não devemos esquecer que nada é mágico, que benefícios existem mas precisamos de trabalhos científicos que comprovem a eficácia desses benefícios, por isso, devemos ser cautelosos e jamais substituir um tratamento por um jogo, ele pode ser complementar a conduta do profissional.

Em relação aos aspectos negativos, o que eu destaco aqui são os excessos. Tudo passa a ser nocivo quando excede, e como dito no início, é um jogo que traz excitação e depois um prazer, esta relação pode, para alguns perfis, causar vício, porque o sistema de recompensa que é ativado é o mesmo na relação com a droga.

Outro ponto a reforçar é a não percepção da pessoa quando está passando da medida, geralmente vem do outro, a pessoa envolvida muitas vezes vai perceber quando já teve perdas importantes. Devemos ficar atentos quando: uma pessoa passa só falar do jogo, terminar namoros, bater o carro, cair em valas e também quando suas relações se restringem a pessoas que estão caçando pokémons, neste caso precisa de um olhar mais atento e se possível de um profissional.

Medicina Preventiva em Pokemon GO

Considerando o campo de medicina comportamental e um uso moderado, quais os benefícios a curto e médio prazo para o estado mental de um jogador de Pokémon GO, antes acostumado com sedentarismo?

Paula: “Além dos benefícios fisiológicos, a prática de exercícios físicos regulares acarreta benefícios psicológicos, tais como: melhor sensação de bem estar, humor, melhora da memória, sono e auto-estima, assim como, redução da ansiedade, tensão e depressão.

No caso de uma pessoa que era totalmente sedentária colocar o corpo em movimento terá benefícios para sua qualidade de vida, isto é um fato, por outro lado, estimar os benefícios a curto, médio e longo prazo é muito particular de cada pessoa do quanto ela era sedentária e como estava o seu estado mental.”

Pokemon GO no tratamento contra depressao - promoção da saúde e psicologia

Os exercícios físicos podem ajudar em casos de depressão, falta de ânimo e insônia? Há uma promoção da saúde nas caminhadas e exploração do mundo, a andar por lugares diferentes e a conhecer mais pessoas que jogam? Quais os efeitos positivos para tais práticas para o estado mental das pessoas?

Birlll pokemon goPaula: “Um aspecto importante a ser dito e a diferença entre exercícios e atividade física, no caso do jogador de Pokémon GO, se ele for sedentário, passa então do sedentarismo para a prática de atividade física, que é qualquer movimento corporal produzido que resulta em gasto energético maior do que o dos níveis de repouso do corpo, ou seja, caminhar, subir escadas, varrer a casa.

Já o exercício físico é uma atividade física planejada, estruturada e repetitiva, como por exemplo, fazer musculação, corrida, ginástica localizada. Tanto a atividade quanto o exercício podem trazer benefícios. No entanto, estudos apontam que atividade ou o exercício físico podem ser coadjuvantes na prevenção e no tratamento da depressão.

promoção da saúde e psicologia Pokemon GOO fato é que quanto mais estruturado o programa de exercício físico aeróbico, melhor a aptidão e diminuição dos sistemas depressivos, reduz também o percentual de gordura e os níveis plasmáticos de serotonina, melhorando assim o estado de humor do indivíduo.

No caso do jogador do Pokémon, muitas vezes as caminhadas não são contínuas e regulares, mas tem um aspecto importante porque associamos a caminhada com a socialização, sabemos que, uma pessoa com depressão está com as relações sociais precárias e à medida que sai para caçar pokémons e encontra outras pessoas, é criada uma rede de pessoas que se identifica por um objetivo comum, esta socialização e identificação ajuda no fortalecimento egóico, favorecendo no melhor resultado do tratamento da depressão.

caminhada pokemon go saudeJá em relação ao sono, sabemos que o sono de pessoas ativas é bem melhor do que o de pessoas sedentárias. O exercício físico pode proporcionar liberação de hormônios e influenciar no ciclo sono-vigília, trazendo mais disposição para o dia-a-dia.

Reforço que ajudar no tratamento de depressão ou na qualidade do sono, não pode ser confundido como o substituto do tratamento, a partir de um diagnóstico fechado por um profissional, existem condutas que devem ser seguidas e orientadas pelo profissional da saúde mental.”

Quais os efeitos negativos que o excesso do jogo pode trazer para os usuários? Há alguma forma em que essa “recompensa” pode ser prejudicial para o comportamento? A remoção do jogo após um longo período de uso pode acarretar em efeitos negativos à saúde? Como os jogadores podem evitar que esses efeitos negativos aconteçam e aproveitar ao máximo os positivos?

Vicio em Pokemon GO danos saudePaula: “Todo excesso acaba sendo nocivo para a vida de qualquer pessoa, já colocamos que o jogo mexe no sistema de recompensa, regiões cerebrais que as drogas atuam e por isso, pode causar dependência e nem sempre percebido pelo jogador, geralmente quando vai perceber é quando já teve perdas importantes.

promoção da saúde e psicologiaDevemos ficar atento que a diversão pode se transformar em “jogo patológico” e os sintomas são: abandonar outras atividades de interesse, inquietude ou irritabilidade quando é privado de jogar.

É importante também dizer que os efeitos negativos são muito particulares e dependem de cada um, como toda droga, há aqueles que não viciam, mas fiquem atentos o quanto está consumindo de energia e roubando horas produtivas da sua vida, lembrando que na relação de jogo e jogador, você é o que domina e não ao contrário, passar ser refém do jogo para estar bem não é uma atitude saudável.”

Conheça mais sobre o trabalho de Paula Alves nos links:

Linkedin  / Página do Facebook / Projeto Social “Eu Psico” 

Como Pokemon GO alterou a rotina de vocês? Comentem abaixo.

Imagem de capa: Foto: Guy ‘Yug’ Blomberg (YugSTAR) – Twitter/Divulgação

Deixe um comentário

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para a home
    Esse site utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de uso no site.