Jogos de Estratégia Históricos – Parte 3: China Imperial

A civilização chinesa é uma das mais antigas do mundo com quase 4000 anos de história, uma das únicas a sobreviver com sua cultura e sabedoria preservadas e ainda muito influentes nos dias atuais, é também considerada uma das nações mais populosas do planeta. A terceira parte do nosso especial sobre jogos de estratégia históricos traz a análise de um game ambientado no fascinante cenário da China Imperial.

Emperor: Rise of the Middle Kingdom é o sexto título da série city building desenvolvida pela Sierra Entertainment e Impressions Games. Lançado em 2002, o jogo é ambientado na Antiga China e aborda o período histórico decorrente entre 2100 a. C., com o surgimento da primitiva dinastia Xia, até a invasão dos mongóis liderados por Gengis Khan em 1211 d.C.  Da mesma forma que os jogos anteriores da série, a atividade fundamental é construir, administrar e defender cada cidade designada ao longo das fases do jogo. Entre os títulos  lançados pela Sierra e Impressions, Emperor foi o último a ser desenvolvido em 2D e o primeiro a disponibilizar a opção multiplayer online.

Jogos de Estratégia Históricos - Parte 3: China ImperialÉ possível observar algumas semelhanças com Zeus: Master of Olympus, como a dimensão das construções no cenário, as diferentes residências para nobres e cidadãos comuns, as praças de comércio, além da possibilidade de retornar a uma cidade já construída para desempenhar novas tarefas e objetivos. Porém, a jogabilidade de Emperor se mostra um pouco mais complexa e instigante, os níveis de dificuldade das campanhas  aumentam  com o avanço cronológico do jogo. Os objetivos também se mostram mais variados, com tarefas que vão além de apenas armazenar e comercializar  produtos, defender a cidade de invasões ou atingir índices de qualidade de vida, sendo necessário também criar alianças com outras cidades e até mesmo enviar tropas para conquistar regiões sob domínio inimigo. Os gráficos são bons e seguem a mesma linha de Zeus, a trilha sonora é muito interessante e além dos diversos sons do ambiente também apresenta músicas instrumentas épicas em estilo chinês.

Jogos de Estratégia Históricos - Parte 3 - China Imperial - evideoclipe-1
 

Emperor se destaca por apresentar a história e cultura da China de forma extremamente minuciosa, os cenários, construções, recursos e personagens foram muito bem desenvolvidos para recriar com fidelidade a era dos imperadores chineses. As 7 campanhas do jogo são denominadas de acordo com as dinastias que governaram a China e proporcionam diversas informações sobre seus fatos históricos.  Através do Feng Shui, o jogador poderá saber qual o melhor local para construir cada edifício de sua cidade e mantê-la em harmonia com as forças da natureza. Entre os artigos que podem ser produzidos para consumo e comércio estão o arroz, repolho, chá, seda, entre outros.  A religião é um tanto quanto mais complexa que nos games anteriores do gênero, sendo baseada em crenças tanto filosóficas quanto religiosas como o culto aos ancestrais, taoísmo, budismo e confucionismo. O jogador poderá fazer diversas oferendas a deuses e heróis ancestrais para que assim evitem catástrofes e a cidade seja abençoada.

Emperor também conta com tarefas relacionadas à construção de grandes monumentos como as grandes Muralhas da China, o Grande Canal que liga os rios Amarelo e Yangzi, tumbas de imperadores, palácios, templos e até o famoso Exército de Terracota, que já esteve em exposição no Brasil. Um fator importante a ser observado é a grande variedade de monumentos disponíveis no game e desenvolvidos fielmente às construções originais.

 
Jogos de Estratégia Históricos - Parte 3 - China Imperial - evideoclipe

Outro elemento da cultura chinesa presente em Emperor é o zodíaco chinês, cada ano passado no jogo é regido por um dos 12 animais do zodíaco em conjunto com um dos 5 elementos da natureza. Ao iniciar a campanha é necessário que o jogador escolha um desses animais, que por sua vez trará benefícios à cidade caso seja celebrado o Festival de Ano Novo do ano regido pelo animal escolhido.

Embora tenha recebido algumas críticas por trazer a mesma dinâmica dos títulos anteriores, sem nenhuma grande novidade, Emperor pode ser considerado um game clássico do gênero city-building e cumpre com excelência a proposta de transportar o jogador para o cenário exótico da China Imperial.

Deixe um comentário

0
    0
    Carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar para a home
    Esse site utiliza cookies para oferecer uma melhor experiência de uso no site.